sexta-feira, dezembro 09, 2011

...

Este raio desta terra onde eu trabalho parece que concentrou em si todos os nabos ao volante existentes ao cimo da terra... Eu já devia estar imune a isto, há 2 anos a vir para aqui todos os dias, mas não estou e esta malta dá-me fortemente nos nervos!

Estacionam literalmente no meio da estrada, abandonam os carros e vão à sua vidinha... quem vier atrás que se f%#!... param no meio da estrada para conversar com um qualquer que vai a pé do outro lado da estrada e ali ficam, e ai de quem reclame, que é logo etiquetado de filho de senhora da vida, e mais uma vez, quem vem atrás que se f%#.... motorizadas, bicicletas carroças e afins conduzem igualmente no meio da estrada e em ziguezague... quem vem atrás que se f%#... malta que mete o pisca para a direita e vira à esquerda... estacionamentos em cima de curvas então é a cada esquina literalmente... os pais vêm trazer as criancinhas à escola, param os carros em cima da passadeira, a criancinha por sua vez que tem que usar a passadeira sai de trás do carro dos pais directamente para a frente de quem vem a passar e ai do condutor que reclame ou que tenha que travar em cima da criancinha, que é um grandessíssimo inconsciente... pois, que os pais das criancinhas que fazem isto é que são conscientes e cuidadosos!! E motorizadas a andar em cima de passeios, nunca viram? Venham cá que vão ver com abundância! Até já assisti a um caso em que uma senhora estacionou o carro junto ao passeio, o passageiro abriu a porta (para o lado do passeio) e não ía sonhar que viria uma motorizada em cima do passeio e que se ía esbarrar de encontro à porta... prato do dia senhores!!

Barrô a Património da Humanidade com o estatuto de maiores nabos na estrada!

10 comentários:

Sexy na Cidade disse...

ahaha eu apanho cada um tb as vezes...

Maria

anabenfica disse...

Em Aveiro compram-se as cartas...está tudo explicado.

Não conheço nenhuma zona do país onde se conduza tão mal como na zona de Aveiro.

Miss Dreams disse...

Sim Ana... infelizmente compram-se muitas cartas, não sei se é só aqui mas que é verídico é... e é um perigo e um atentado à sanidade mental de todos!

Bird disse...

Acredita em Coimbra também há disso... oh se há!!!

Blogger disse...

Olá

És a segunda pessoa que "conheço" que mora/trabalha/qualquer coisa em barrô!!!

anabenfica disse...

Eu fiquei parva quando o óme que contou os esquemas habituais em Aveiro. Queres passar...levas um envelope contigo.

Quando a irmã do óme tirou a carta em Vila Real, levou o envelope porque em Aveiro era assim. Resultado: ficaram todos a olhar para ela com cara de parvos.

Em Braga há muito que não se paga também.

Miss Dreams disse...

Pois, olha... eu pelos vistos fui burra e não levei o envelope porque não sabia... carago... e chumbei à 1.ª, devem ter ficado chateados pela ausência de envelope (e pela ausência da minha paragem numa cedência de passagem :))

aasjm disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
anabenfica disse...

ups...enganei-me na conta :p
Dizia eu que se tivesses levado o envelope até podias ter atropelado alguém porque passavas na mesma.

Lígia disse...

Jeez, eu ia perguntar "mas onde é que tu trabalhas?!"!! Já li que é em Barrô (nunca tinha ouvido falar), mas eu, que também me queixo dos nabos e marmelos daqui, que conduzem mal, nunca vi motas a andar no passeio!! Livra!!