sexta-feira, setembro 10, 2010

No seguimento da história do diabo anterior...

Acabei de falar com a dona do gato do demo e diz-que vou ter que ser eu a trazê-lo de volta...

Tá-me cá a parecer que vou pedir reforço da anestesia, amarra-lo com uma corda e enfiar-lhe uma meia bem chulézenta na boca. Acho que sim, que é capaz de resultar, a ver se o gajo não se arma novamente em David Copperfield...

3 comentários:

dinona disse...

UI, é desta que matas o bicho :)
Dá-lhe qualquer coisa boa para ele se ir entretendo.

AVOGI disse...

cuidado que ainda lhe tiras o fôlego.
kis :)

Sissamar disse...

Esse gato não precisava de um veterinário que lhe tira-se as bolas, precisava de um padre que o exorcisasse!